Siga-nos nas redes Sociais

Espaços

As Lendas populares mais arrepiantes do Halloween

Publicado

em

Lendas populares mais arrepiantes do Halloween

Como quase toda festa popular, o Halloween também é envolto em muitos mistérios e diversas lendas que se perpetuaram ao longo dos últimos séculos em histórias contadas por geração após geração.

Todas as lendas populares sobre o Halloween contêm elementos arrepiantes e que foram disseminadas com o objetivo de criar medo e horror nas pessoas, muitas vezes como forma de exercer um poder de domínio sobre o comportamento das pessoas através da imposição do medo.

As origens do Halloween remontam ao antigo festival celta de Samhain, quando se acreditava que a fronteira entre os mundos dos vivos e dos mortos se abriam e os espíritos voltavam do mundo dos mortos para assombrar os vivos.

Durante a festa de Halloween seres assustadores como bruxas, vampiros, zumbis e lobisomens ganhavam vida no imaginário popular, e cada um desses seres míticos tem sua própria história horripilante.

Vejamos abaixo algumas das lendas populares mais arrepiantes do Halloween

Bruxas

Durante a Idade Média muitas mulheres foram denunciadas por vizinhos e desafetos pessoais e queimadas vivas por serem consideradas bruxas. Os primeiros bruxos e bruxas eram pessoas que praticavam feitiçaria, usando feitiços e invocando espíritos para ajudar ou para trazer mudanças.

Certamente muitas destas pessoas praticavam o mal, no entanto, a maioria era simplesmente curandeiros e curandeiras naturais ou as chamadas “mulheres sábias”, cuja escolha de profissão foi mal compreendida.

As bruxas eram vistas como seres malignos pelos primeiros cristãos na Europa, inspirando a icônica figura do Halloween. Imagens de bruxas apareceram frequentemente associadas a mulheres feias com nariz pontiagudo com uma verruga na ponta e que viviam dia e noite debruçadas sobre um caldeirão de líquido fervente a fazer poções e espalhar maldade. Essa é apenas uma forma folclórica de as representar, dado que mulheres de extrema beleza também foram consideradas, denunciadas e mortas em uma fogueira como bruxas, simplesmente por despertar a inveja de outras mulheres.

A associação entre bruxas e vassouras pode ter raízes em um ritual pagão de fertilidade, no qual os fazendeiros rurais saltavam e dançavam montados em vassouras à luz da lua cheia para estimular o crescimento de suas plantações. Essa “dança de cabo de vassoura” foi confundida com relatos comuns de bruxas a voar pela noite a caminho de praticar o mal, entretanto obviamente que não passa de pura lenda. No Halloween a figura da bruxa reaparece em fantasias para dar o ar assustador que o feriado requer.

Vampiros

Os vampiros são seres mitológicos malignos que vagam pela noite em busca de vítimas para sugar seu sangue. Os vampiros remetem à mitologia da Grécia Antiga e incorporam uma superstição que floresceu durante a Idade Média.

A maioria das pessoas associa os vampiros com o Conde Drácula, o lendário tema sugador de sangue do romance épico de Bram Stoker, Drácula, que foi publicado em 1897. Mas a história dos vampiros começou muito antes de Stoker nascer.

O mito do vampiro teve origem com Vlad Drácula, também conhecido como Vlad, o Empalador. Vlad Drácula nasceu na Transilvânia, Romênia. Ele governou a Valáquia, na Romênia, de 1456 a 1462.

Embora seja descrito por muitos historiadores como um governante justo, também era considerado uma pessoa extremamente cruel e que tinha por hábito empalar seus inimigos numa estaca de madeira.

Lobisomens

Lobisomens são, de acordo com algumas lendas, pessoas que se transformam em lobos ferozes e poderosos. As descrições de lobisomens datam da mitologia grega e do folclore nórdico. São considerados bestas sanguinárias que não podem controlar sua luxúria por matar pessoas e animais. Se manifestam em noites de lua cheia onde seu desejo incontrolável de cometer maldades aflora.

Zumbis

O zumbi, muitas vezes retratado como um morto-vivo, comedor de carne e cadáver em decomposição, teve um aumento de popularidade nos últimos anos graças a vídeos musicais e programas de TV. Vários relatórios confiáveis relatam que os zumbis têm uma base de fato. Em algumas publicações feitas em jornais e revistas médicas descrevem pessoas que usam certos compostos para primeiro induzir paralisia nas pessoas e, em seguida, reanimá-las. Na cultura vodu haitiana, o folclore com seres mortos-vivos existe há séculos.

Assim como as demais personagens folclóricas alusivas ao Halloween, na lenda, os zumbis também no dia 31 de outubro saem as ruas para perseguir pessoas aterrorizadas.

Múmias

Uma múmia é uma pessoa cujo corpo foi seco ou preservado através de técnicas de mumificação após a morte. Talvez seja a figura menos assustadora inserida na celebração e lendas de Halloween através dos filmes de Hollywood. Quando as pessoas pensam em uma múmia, muitas vezes pensam nos antigos egípcios, que faziam múmias desde 3700 a.C.

No imaginário popular e segundo as lendas, durante o Halloween as múmias costumam perseguir pessoas pelas ruas, cemitérios e locais desertos.

Se você pretende realizar uma celebração de Halloween em sua casa ou empresa, conte com a Lizgarden para auxilia-lo a criar uma atmosfera mágica para o Halloween e assim poder desfrutar de forma lúdica estes momentos de celebração.

Podemos agendar uma consultoria gratuita para falarmos sobre o tipo de decoração Halloween que pretende, para tanto basta nos contactar através do telefone (351) 218 429 960, que teremos todo o gosto em ajuda-lo.

Visite nossa loja online: Lizgarden

Conheça nossa página no Facebook: – Lizgarden

LIZGARDEN…ARTE & FLOR em forma de AMOR ♥

Fonte: History
Imagens fonte: Freepick
(Halloween vector created by freepik)


Populares